Observatório Bíblico

Quinta-feira, Maio 31, 2007

Ao doido, doideiras digo

Den Verrückten sage ich nur Verrücktes. Ao doido, doideiras digo.

Inspirado por Guimarães Rosa em Grande Sertão: Veredas, é o que penso que devo dizer destas falas do professor William Dever.

Que falas? As que estão na reportagem Archeology prof takes digs at some fellow academics.

Publicada pelo The Jewish news weekly of Northern California, com data de 1 de junho de 2007.

Se o link eventualmente parar de funcionar neste incerto jornal, confira a presepada do Dever aqui.

Marcadores:

Bookmark and Share

Quarta-feira, Maio 30, 2007

Old Testament/Tanakh/Jewish Scriptures?

Em Thoughts on Antiquity se lê no post de Chris Weimer What is the “Old Testament”? o seguinte:

There’s been a little discussion going on about what nomenclature to give what is commonly referred to as the “Old Testament”. Claude Mariottini started the conversation with an article, and like the author of that article, decides on Old Testament as best, partly for theological reasons. Richie at Ecclesiastical Mutt responded with the general advice of keeping things “PC”. Chris Heard responded advocating “Tanakh”. He especially notes (in the comments) that it’s only to be used when specifically referring to the Tanakh (...) Overall, I think Jewish scriptures fits it best.

Claude Mariottini responde hoje a Chris Heard com Old Testament or Tanakh: A Response to Chris Heard.

Gostaria de lembrar que no dia 31 de janeiro de 2006 escrevi: Antigo Testamento/Primeiro Testamento/Bíblia Hebraica/Tanak... que rótulo usar?

Neste post cito e recomendo Tyler F. Williams que, em Codex, escreveu: Old Testament/First Testament/Hebrew Bible/Tanak: What's in a Name? Quite a Bit Actually!

No contexto da atual discussão, acredito que uma releitura deste post de Tyler Williams poderia ser útil.

Atualizando: 31.05.2007 - 16h00
O próprio Tyler Williams propõe novamente o mencionado post. Argumenta: My position hasn’t changed since my previous post, so I thought I would reprint it here for you all. Também Duane Smith em Abnormal Interests contribui para a discussão com Those Mostly Hebrew Writings.

Marcadores:

Bookmark and Share

Resenhas na RBL - 30.05.2007

As seguintes resenhas foram recentemente publicadas pela Review of Biblical Literature:

Jean-Marie Auwers and Églantine Proksch-Strajtmann
Concordance du Siracide: Grec II et Sacra Parallela
Reviewed by Jeremy Corley

Eve-Marie Becker
Das Markus-Evangelium im Rahmen antiker Historiographie
Reviewed by Christine Gerber

Fiona C. Black, ed.
The Recycled Bible: Autobiography, Culture, and the Space Between
Reviewed by Diane M. Sharon

D. A. Carson and Douglas Moo
An Introduction to the New Testament, 2nd edition
Reviewed by John Paul Heil

Patrick J. Hartin
James, First Peter, Jude, Second Peter
Reviewed by Karl-Wilhelm Niebuhr

Joy Philip Kakkanattu
God's Enduring Love in the Book of Hosea: A Synchronic and Diachronic Analysis of Hosea 11,1-11
Reviewed by Sven Petry

Hans-Christian Kammler
Kreuz und Weisheit: Eine exegetische Untersuchung zu 1 Kor 1,10-3,4
Reviewed by H. H. Drake Williams III

Terrence J. Keegan
First and Second Timothy, Titus, Philemon
Reviewed by I. Howard Marshall

Ralph Klein
1 Chronicles
Reviewed by Gershon Galil

Douglas A. Knight
Rediscovering the Traditions of Israel
Reviewed by Steven L. McKenzie

Bruce J. Malina and John J. Pilch
Social-Science Commentary on the Letters of Paul
Reviewed by Valérie Nicolet Anderson

Bruce Metzger
Apostolic Letters of Faith, Hope, and Love: Galatians, 1 Peter, and 1 John
Reviewed by Timothy Wiarda

Carolyn Osiek and Margaret Y. MacDonald, with Janet H. Tulloch
A Woman's Place: House Churches in Earliest Christianity
Reviewed by David Parris

Rolf Rendtorff
Leviticus 1,1-10,20
Reviewed by Erhard S. Gerstenberger

F. Scott Spencer
Dancing Girls, Loose Ladies, and Women of the Cloth: The Women in Jesus' Life
Reviewed by Patrick E. Spencer

R. S. Sugirtharajah, ed.
Voices from the Margin: Interpreting the Bible in the Third World, 3rd edition
Reviewed by Gerald O. West

Phillip Towner
The Letters to Timothy and Titus
Reviewed by Raymond F. Collins

L. L. Welborn and Kathy L. Gaca, eds.
Early Patristic Readings of Romans
Reviewed by Peter Tomson

Marcadores:

Bookmark and Share

Arqueologia e conflito politico no Oriente Médio

Em Abnormal Interests, Duane Smith chama a atenção para o artigo de Walter Reich, King Herod's return, no Los Angeles Times de hoje.

Walter Reich é Professor de Assuntos Internacionais, Ética e Comportamento Humano na Universidade George Washington, Washington, DC, e escreve aqui sobre o uso político da arqueologia no Oriente Médio, tomando como ponto de partida o caso da descoberta da Tumba de Herodes.

Em determinado ponto ele diz:
For Israelis, such finds are seen as an emblem of the Jews' ancient and unbroken connection with the land, going back 3,500 years, that justifies the existence of Israel as a Jewish state. For Palestinians, they're seen as a way of legitimizing Israel — the creation of which turned many of them or their forebears into refugees — and are therefore often dismissed as myth or fantasy.

E termina assim seu artigo:
Only when each side recognizes the historical right of the other to live in the region will it be possible to begin to talk about peace and a fair reckoning on Jerusalem. And only then will it be possible to put Herod's vengeful ghost back into his haunted archeological tomb.

Andei falando sobre isso em:
O tom político da arqueologia em Jerusalém
Tumba de Herodes e conflito no Oriente Médio
Tumba de Herodes em território palestino ocupado

Marcadores:

Bookmark and Share

Synoptic Problem Poll

Estive estudando hoje, com o Primeiro Ano de Teologia do CEARP, a Questão Sinótica - o "Synoptic Problem" do título. E, coincidentemente, Brandon Wason coloca em seu blog Novum Testamentum [Obs.: blog falecido: 22.03.2008] uma votação sobre a questão sinótica.

Visite, como recomenda Brandon, o Synoptic Problem Website, de Stephen C. Carlson. Neste site há um bom panorama das várias hipóteses da relação entre os evangelhos sinóticos.

Por que estamos estudando este assunto já no primeiro ano? Para exemplificar a aplicação da Crítica Literária - um dos aspectos do método histórico-crítico de leitura da Bíblia - ao Novo Testamento.

Para o Antigo Testamento o exemplo usado foi a formulação da teoria das fontes e/ou tradições do Pentateuco, desde seus inícios, passando pelo consenso wellhauseniano até a sua crise atual. Crise que foi deflagrada, em boa parte, pelo pioneirismo de Thomas L. Thompson, ao estudar os patriarcas, e pelos estudos fundamentais de John Van Seters, H. H. Schmid e Rolf Rendtorff. Leia sobre este assunto aqui e aqui.

Marcadores:

Bookmark and Share

Segunda-feira, Maio 28, 2007

Grupos de judeus ultra-ortodoxos contra a Internet

Judeus ultra-ortodoxos pedem proibição dos computadores

da Efe, em Jerusalém

Um grupo de judeus ultra-ortodoxos lançou uma campanha para proibir totalmente o uso de computadores, por considerar que são "o mal disfarçado" e o autêntico "Satã". Os "gerrer", uma seita hassídica (corrente mística judia) fundada no século 19, batem de porta em porta tentando convencer os membros da comunidade que possuem um computador dos "perigos espirituais" que isto representa para sua família, segundo a edição desta segunda-feira do jornal "Haaretz". Embora os ultra-ortodoxos sejam proibidos de ver televisão, ir ao cinema e usar o computador, muitos destes religiosos radicais têm o aparelho em suas casas. "A inclinação ao mal e o Satã corruptor se envolveram em uma inocente fantasia em forma de computador", afirmava ontem o editorial do jornal ultra-ortodoxo "Hamodia", controlado pela seita "Ger" (cont.). Fonte: Folha Online: 28/05/2007 - 10h59.


Ultra-orthodox newspaper opens new front in Haredi war on computers

By Yair Ettinger, Haaretz Correspondent

An op-ed in the ultra-Orthodox newspaper Hamodia yesterday urged readers to avoid computers, which it called the devil in disguise. "The evil inclination, the corrupting satan, have wrapped themselves in an innocent disguise in the form of a computer," wrote publicist Y. Sofer. He blamed the "spiritual descent" of ultra-Orthodox youth on exposure to forbidden images online. This is the latest salvo in a campaign by the Gerrer Hasidic sect, which controls Hamodia, to rid the community of computers (cont.) Fonte: Haaretz - Last update - 10:33 28/05/2007.

Marcadores:

Bookmark and Share

Domingo, Maio 27, 2007

Resenhas na RBL - 23.05.2007

As seguintes resenhas foram recentemente publicadas pela Review of Biblical Literature:

Elie Assis
Self-Interest or Communal Interest: An Ideology of Leadership in the Gideon, Abimelech and Jephthah Narratives (Judg 6-12)
Reviewed by Yairah Amit

John N. Day
Crying for Justice: What the Psalms Teach Us about Mercy and Vengeance in an Age of Terrorism
Reviewed by Horst Seebass

Zev Garber, ed.
Mel Gibson's Passion: The Film, the Controversy, and Its Implications
Reviewed by Mark Goodacre

Meik Gerhards
Studien zum Jonabuch
Reviewed by Friedemann W. Golka

Yohanan A. P. Goldman, Arie van der Kooij, and Richard D. Weis, eds.
Sôfer Mahîr: Essays in Honour of Adrian Schenker
Reviewed by Dany Nocquet

Thomas J. Kraus and Tobias Nicklas, eds.
New Testament Manuscripts: Their Texts and Their World
Reviewed by Christopher Tuckett

Alfred Marx
Les systèmes sacrificiels de l'Ancien Testament: Formes et fonctions du culte sacrificiel à Yhwh
Reviewed by James W. Watts

Jerome Murphy-O'Connor, Cettina Militello, and Maria-Luisa Rigato
Paolo e le donne
Reviewed by Ilaria Ramelli

Stanley E. Porter, ed.
Hearing the Old Testament in the New Testament
Reviewed by Michael Labahn
Reviewed by Gert J. Steyn

John Sandys-Wunsch
What Have They Done to the Bible? A History of Modern Biblical Interpretation
Reviewed by Jan van der Watt

Dieter Sänger and Matthias Konradt, eds.
Das Gesetz im frühen Judentum und im Neuen Testament: Festschrift für Christoph Burchard zum 75. Geburtstag
Reviewed by William R. G. Loader

Stanley H. Skreslet
Picturing Christian Witness: New Testament Images of Disciples in Mission
Reviewed by Dirk G. van der Merwe

Willard M. Swartley
Covenant of Peace: The Missing Peace in New Testament Theology and Ethics
Reviewed by Joel Stephen Williams

John Van Seters
The Edited Bible: The Curious History of the "Editor" in Biblical Criticism
Reviewed by Eckart Otto

Marcadores:

Bookmark and Share

A tumba de Henu: Egito - 2050 aC

Breaking News: New tomb discovered at Deir el-Bersha (Egyptology News)

The Tomb of Henu at Dayr al-Barsha (site oficial (?), com excelente descrição da descoberta e muitas fotos)

Video of tomb of Henu (via Egyptology News)

Marcadores:

Bookmark and Share

Sites da Semana indicados por Andie

No Egyptology News, Andie sempre faz um apanhado dos sites da semana. Veja, com data de hoje, 27 de maio de 2007:

Weekly Websites

Marcadores:

Bookmark and Share

Sexta-feira, Maio 25, 2007

Martini e Dore apresentam livro do Papa em Paris

No dia 18 de maio de 2007, o La Croix, de Paris, anunciou:

Le "Jésus" de Benoît XVI, présenté par le cardinal Martini et Mgr Doré
À l’initiative de la librairie La Procure, l’ouvrage de Joseph Ratzinger/Benoît XVI fera l’objet d’une présentation exceptionnelle à Paris, au palais de l’Unesco le mercredi 23 mai (à 10 h 45), veille de la sortie du livre en France. Ce Jésus de Nazareth sera présenté et commenté par le cardinal Carlo Maria Martini, jésuite et exégète, archevêque émérite de Milan, et par Mgr Joseph Doré, sulpicien et théologien, archevêque émérite de Strasbourg. Cette table ronde sera animée par Michel Kubler, rédacteur en chef religieux de La Croix – notre journal étant partenaire, de même que la chaîne catholique de télévision KTO, de cet événement placé sous le haut patronage de la Conférence des évêques de France et de Mgr Fortunato Baldelli, nonce apostolique à Paris. Maison de l’Unesco (Salle XII), 7, place Fontenoy, 75007 Paris.


E no dia 23 de maio:

Le cardinal Martini est venu à Paris présenter le livre de Benoît XVI
Suite de la sortie mondiale du "Jésus de Nazareth" de Joseph Ratzinger-Benoît XVI, jeudi 24 mai dans les librairies françaises, avec une présentation prestigieuse à l'Unesco.
Il ne manquait que le pape. Mercredi 23 mai au matin, dans la prestigieuse enceinte de l’Unesco à Paris, le cardinal Carlo Maria Martini, archevêque émérite de Milan, et Mgr Joseph Doré, archevêque émérite de Strasbourg, présentaient l’ouvrage de Benoît XVI intitulé Jésus de Nazareth, pour la sortie française de l’ouvrage, ce jeudi dans les librairies. Il ne manquait en effet que le pape, ou plutôt le théologien Joseph Ratzinger, puisque les deux éminents professeurs, invités en cette enceinte par la Librairie Éditrice Vaticane et la librairie parisienne La Procure, se sont livrés à une analyse théologique serrée de ce livre "privé" de Benoît XVI, sous la conduite du P. Michel Kubler, rédacteur en chef religieux de La Croix. Après l’accueil par Mgr André Vingt-Trois, archevêque de Paris, le cardinal Martini, exégète de renommée internationale, a ouvert le propos, passant en revue points forts et points faibles de l’entreprise éditoriale du théologien devenu pape. "Dans un esprit de liberté ", a tenu à préciser le jésuite italien, ajoutant, non sans malice qu’ "il ne sera pas facile pour un catholique de contredire ce qui est écrit dans ce livre" (cont.)

Há um vídeo do evento na página da televisão KTO, onde se lê:
Table ronde autour du livre de Benoît XVI, avec :
Carlo-Maria Cardinal Martini, exégète, Archevêque émérite de Milan
Mgr Joseph Doré, Théologien, Archevêque émérite de Strasbourg
Modérateur : Père Michel Kubler, Assomptionniste, Rédacteur en chef du quotidien La Croix.
Sous le haut patronnage de la Conférence Episcopale Française et de son Excellence le Nonce Apostolique, Mgr Fortunato Baldelli.

Há uma tradução italiana - com alguns cortes (?) - da palestra de Martini no Corriere della Sera do dia 24 de maio de 2007. Que causou certa controvérsia ao colocar como título da palestra de Martini: "Ammiro il Gesù di Ratzinger, ma non è l’unico". E, em seguida, destacou: Martini: "Una lettura alla luce di Fede e Ragione, che si oppone al metodo storico-critico".

Martini fez a apresentação do livro a partir de cinco questões:
1. Quem é o autor deste livro?
2. Qual é o tema tratado?
3. Quais são suas fontes?
4. Qual é o seu método?
5. Que avaliação se deve fazer do livro como um todo?

Sobre o cardeal Carlo Maria Martini, leia mais aqui.

Marcadores:

Bookmark and Share

Quinta-feira, Maio 24, 2007

V Conferencia: Agenor Brighenti e Dom Demétrio

O teólogo Agenor Brighenti avalia a primeira etapa da V Conferência Geral do Episcopado Latino-americano e do Caribe em Crônica de Aparecida, publicada hoje na página da CNBB:
A ausência do Papa, em Aparecida, dá a impressão aos meios de comunicação, que nada mais de interessante esteja acontecendo aqui. Entretanto, no interior da Basílica poderiam estar sendo gestadas diretrizes para a Igreja na América Latina e o Caribe, para a próxima década. Esta é a esperança dos que trabalham e a mesma expectativa dos que têm os olhos voltados para os delegados da V Conferência. Conscientes da importância do acontecimento, partilhamos algumas experiências, alegrias e inquietações em torno à primeira semana de trabalho (cont.)

Dom Demétrio Valentini, Bispo de Jales, SP, por sua vez, presente na V Conferência Geral do Episcopado Latino-americano e do Caribe (...) faz uma avaliação dos primeiros dias do evento e ressalta o clima de colaboração entre os bispos delegados, assessores, leigos e o grupo de teólogos da Ameríndia, diz artigo publicado ontem pela Adital. Leia: Dom Demétrio: clima de colaboração marca a V Conferência.

Leia Mais:
Hacia la V Conferencia - CELAM
Seminário Latino-americano reuniu 17 países
Teólogos debatem desafios da Igreja no século XXI

Marcadores:

Bookmark and Share

Quarta-feira, Maio 23, 2007

Teologos debatem desafios da Igreja no século XXI

Seminário teológico pede mais ação das igrejas

Teólogos participantes do Seminário sobre os desafios da Igreja no século XXI, realizado em Pindamonhangaba entre os dias 18 e 20 de maio, enfatizaram a necessidade de reformulação na Igreja para que esta possa acompanhar as mudanças vivenciadas pela sociedade hoje. Modificação no trato com as minorias, reformas em sua estrutura hierarquizada e consideração das peculiaridades dos povos latino-americanos e caribenhos foram apontados pelos participantes como fundamentais para um exercício pleno de fé no continente. No segundo dia do encontro (19), o teólogo brasileiro Agenor Brighenti defendeu a necessidade de um processo constante de reformulação e reflexão dentro da Igreja. "O desafio está em encarnar toda a fé dentro de toda a vida, numa busca comum, porque comum é o destino", avaliou (cont.)

Leia todo o artigo, publicado pela Adital em 21.05.2007. Sobre o Seminário, leia mais aqui.

Marcadores:

Bookmark and Share

Mary Douglas:1921-2007

No dia 16 de maio faleceu a famosa antropóloga britânica Mary Douglas. Seu livro mais conhecido no Brasil é Pureza e Perigo (Lisboa: Edições 70, 1991, 216 p. ISBN 9724407942), um clássico da antropologia social, importante para a compreensão do sistema de puro/impuro no Levítico.

Leia sobre Mary Douglas e sua obra em Dame Mary Douglas (1921-2007): The Truth She Told, post escrito por John F. Hobbins em seu blog Ancient Hebrew Poetry.

Embora considere que o comentário de John F. Hobbins sobre o Vaticano II não tem sentido face ao grave problema da fome dos países pobres, como os da América Latina - majoritariamente católicos - e da África, por exemplo, quando ele diz: "She knew that her church, the Catholic Church, made a big mistake after Vatican II when it no longer pushed the 'stupid' rules, like not eating meat on Fridays. Rules like that give structure and rhythm to daily life". Quando a pessoa está "azul" de fome, nenhuma "regra" alimentar - especialmente a proibição de se alimentar - dá estrutura e ritmo à sua vida!

Ora: não se esqueça do obituário publicado pelo Times em 18 de maio: Professor Dame Mary Douglas.

Marcadores:

Bookmark and Share

Terça-feira, Maio 22, 2007

Gospel of Thomas Commentary

Peter Kirby colocou novamente online a sua página Gospel of Thomas Commentary, que reúne modernas interpretações do Evangelho de Tomé, escrito copta do século II d.C., contendo 114 ditos ou sentenças de Jesus e um dos mais importantes manuscritos pseudepígrafos do NT entre todos os até hoje encontrados. O Evangelho de Tomé pertence ao grupo das cerca de 1200 folhas de papiro de Nag Hammadi, no Egito, descobertas a partir de 1945.


Leia ainda sobre o Evangelho de Tomé em The Forbidden Gospels Blog, de April DeConick.

Especialmente a série, iniciada em 19 de maio de 2007, e até hoje com 4 posts, em que April DeConick rejeita a leitura que Nicholas Perrin faz de seu livro Recovering the Original Gospel of Thomas: A History of the Gospel and its Growth.

Veja também, na coluna da direita de seu blog: Gospel of Thomas Posts.

Onde Encontrar: Ayrton's Biblical Page > Links

Marcadores:

Bookmark and Share

Segunda-feira, Maio 21, 2007

Seminario Latino-americano reuniu 17 países

Seminário Latino-americano de teologia reúne 17 países (CNBB: 21 de maio de 2007)
Argentina, Bolívia, Chile, Costa Rica, Equador, México, Uruguai, Venezuela, Colômbia, Guatemala, El Salvador, Haiti, Nicarágua, Brasil, Canadá, França e Itália. Esses foram os 17 países que participaram do I Seminário Latino-americano de Teologia organizado pelo Conselho Nacional do Laicato do Brasil. O encontro teve início na sexta-feira, 18, em Pindamonhangaba (SP), e terminou na manhã deste domingo e reuniu 250 pessoas. Com o tema América Latina, Cristianismo e Igreja no século XXI, o Seminário reuniu o teólogo chileno padre Pablo Richard, e os brasileiros padres Benedito Ferraro, Paulo Suess e Agenor Brighenti, além de Pedro Ribeiro Oliveira, Maria Clara Bingemer, Eva Aparecida de Moraes, Carlos Signorelli e Paulo Fernando Carneiro de Andrade (cont.)

Leia a Carta ao Povo Cristão da América Latina e do Caribe, dos participantes do Seminário. Na página da CNBB ou na Adital.

Sobre o Seminário, leia também:
Seminário Latino-Americano de Teologia
Seminário Latino-Americano de Teologia começou hoje

Marcadores:

Bookmark and Share

WiBiLex

A Deutsche Bibelgesellschaft, de Stuttgart, Alemanha, está colocando online Das wissenschaftliche Bibellexikon im Internet, com cerca de 2 mil artigos escritos por especialistas em suas respectivas áreas.

Abreviado, o nome é WiBiLex. A Sociedade Bíblica Alemã (Deutsche Bibelgesellschaft) diz, no site, que o projeto, em andamento, já está com os primeiros 230 artigos prontos agora em maio de 2007.


Was ist WiBiLex?
WiBiLex ist das wissenschaftliche Bibellexikon im Internet. Ab sofort entsteht auf diesen Seiten als Projekt der der Deutschen Bibelgesellschaft ein umfangreiches, kostenlos zugängliches wissenschaftliches Lexikon zur gesamten Bibel. Im Mai 2007 wurden die ersten 230 Artikel eingestellt. Bei seiner Fertigstellung wird das Lexikon über 2000 Artikel umfassen.

Marcadores:

Bookmark and Share

Insanidade, malandragem ou fundamentalismo?

A notícia de que um pai colocara a filha de dois meses no microondas e deixara entre 10 e 20 segundos, provocando graves queimaduras na criança, eu já tinha visto.

Mas a razão que a Folha Online aponta em Homem põe filha no microondas e esposa culpa o diabo é coisa nova para mim:



A esposa, Eva Marie Mauldin, culpou o diabo pela ação do marido. Segundo ela, Satanás fez o seu marido colocar a menina no microondas porque ele tinha a intenção de se tornar pastor evangélico. 'Satanás viu meu marido como uma ameaça', disse a mulher à KHOU-TV.

Insanidade, malandragem ou fundamentalismo?

De qualquer maneira, o diabo, mais uma vez, leva a culpa e desculpa a ação humana. Um fato cada vez mais comum, mesmo entre gente salubérrima... Em pleno século XXI.


Woman: Blame devil for infant in microwave (CNN International)


A woman blames the devil, and not her husband, for severely burning their infant daughter in a microwave, a Texas television station reported. Eva Marie Mauldin said Satan compelled her 19-year-old husband, Joshua Royce Mauldin, to microwave their daughter May 10 because the devil disapproved of Joshua's efforts to become a preacher. "Satan saw my husband as a threat," Eva Mauldin told Houston television station KHOU-TV.

Atualizando: 11h30
Hoaxes - boatos - deste tipo também alimentam leituras fundamentalistas. Falsificação criada e repassada com má ou boa (?) fé, não deixa de ser um sintoma de nossa época. Vi a notícia sobre As mãos de Deus em Blue Cord, de Kevin Wilson. O site Urban Legends Reference Pages ilustra bem como uma "foto" destas é manipulada digitalmente.

Obs.: em português, um bom site para se ver Pulhas virtuais: boatos, lendas, falsos vírus e meias verdades é o Quatrocantos.com


Marcadores:

Bookmark and Share

Domingo, Maio 20, 2007

Geza Vermes resenha livro do Papa sobre Jesus

Como é do conhecimento da maioria, o Papa Bento XVI publicou recentemente um livro sobre Jesus de Nazaré.

Agora, uma resenha de Geza Vermes no Times começou a provocar alguma repercussão entre os biblioblogueiros, como Jim Davila, em Paleojudaica e Mark Goodacre, em NT Gateway Weblog.

Que tem mais a ver com as posições de Geza Vermes do que com as do Papa sobre o Jesus Histórico. E que interessa no debate sobre a terminologia utilizada pelos especialistas na pesquisa sobre o assunto, como se pode ver aqui e aqui.

Sobre Geza Vermes, leia aqui (última obra citada: As várias Faces de Jesus) e aqui.

Marcadores:

Bookmark and Share

Sexta-feira, Maio 18, 2007

The Complete Work of Charles Darwin Online

Site criado pela Universidade de Cambridge, Reino Unido, traz um belo acervo sobre Charles Darwin: são cerca de 50 mil páginas de texto e 40 mil imagens.

Leia sobre o site, na Folha Online, em Projeto publica trabalhos e cartas de Charles Darwin na internet.

O site The Complete Work of Charles Darwin Online traz a seguinte descrição do projeto:
This website is the largest collection of writings by and about Darwin ever published. It contains Darwin's complete publications, many handwritten manuscripts and the largest Darwin bibliography and manuscript catalogue. There are also over 200 supplementary texts, from reference works, reviews, obituaries, biographies and more. Darwin Online For a non-academic entryway see Major works. The majority is online here for the first time such as the 1st editions of Voyage of the Beagle, Descent of Man, Zoology of the Beagle, all editions of Origin of species (1st, 2nd, 3rd, 4th, 5th & 6th) and complete autobiography. There are newly transcribed manuscripts such as Darwin's Beagle diary & field notebooks, pocket diary, and images of his theoretical notebooks. There is much still to come: more editions, translations, introductions, notes and thousands of manuscripts (...) See the amazing new website of the Darwin Correspondence Project with thousands of Darwin letters and much more here.

Marcadores:

Bookmark and Share

Seminario Latino-Americano de Teologia começou hoje

Veja o programa aqui.

Você pode acompanhar todas as palestras online, pela Internet. Clique aqui.

Marcadores:

Bookmark and Share

Tremendo barraco

Jim West armou tremendo bafafá com Mike Bird Got Me Thinking… Who NOT To Cite [Obs.: blog falecido, link sepultado: 22.03.2008]. Começou ontem e continuou hoje. Deu um cocoré danado. Um fuzuê bastante cômico. Parece esculhambação, mas, no meu entender, é mais uma estripulia de Jim West. De propósito mesmo? Sei não, mas pode ser...

Leia uma síntese do forrobodó que corre nos biblioblogs no post Banning Books and Blogs - Jim West’s Imprimatur, escrito por Tyler Williams no Codex.

Em inglês, estão dizendo que isto é um kerfuffle (excitação barulhenta e desnecessária). Um banzé-de-cuia!

Mas se você precisa de algumas variantes para falar deste assunto na blogosfera, o Dicionário Eletrônico Houaiss da Língua Portuguesa, Versão 1.0 - Dezembro de 2001, no verbete confusão, oferece:

açougada, acracia, adevão, alarma, alarme, alteração, alvoroço, alvoroto, anarquia, angu, angu-de-caroço, anguzada, aperta-chico, aranzel, argel, arregaço, atabalhoação, atrapalhação, auê, bababi, babel, babilônia, bacafuzada, bachinche, badanal, baderna, bafa, bafafá, bagaço, bagunça, bagunçada, balborda, balbórdia, balbúrdia, bambá, bambaquerê, bananosa, bandoria, banguelê, banzé, banzé-de-cuia, banzeiro, barafunda, baralha, baralhada, barrilada, bereré, berzabum, bilbode, bochinche, bochincho, bode, bolo, bololô, brenha, briga, bronca, bruega, bulha, burundanga, cambulhada, caos, chinfrim, chinfrineira, chinfrinice, choldra, choldraboldra, cinza, cocoré, coisa-feita, coluvião, complicação, confa, confusa, cu-de-boi, cu-de-mãe-joana, danação, dédalo, desalinho, desarranjo, desarrumação, desgoverno, desmancho, desmanho, desmaranho, desordem, desorganização, desorientação, destempero, deus-nos-acuda, dificuldade, distúrbio, emaranhamento, embananamento, embaralhação, embrulhada, embrulhamento, embrulho, encrenca, enrolação, entuviada, envolta, esbregue, escangalho, esculhambação, esparrame, esparramo, estalada, estrago, estralada, estripulia, estropelia, estrupício, fandango, fecha, fecha-fecha, felga, ferga, flamengaria, forrobodó, frege, frevo, fritada, fubá, fula-fula, furdúncio, furdunço, fuzuê, galho, gambérria, gangolina, garabulha, garbulha, gódia, grude, imbróglio, indisciplina, inferneira, inferno, insubordinação, joldra, lambança, langará, lubambo, maçarocada, maranha, maria-da-fonte, massagada, mastigada, matinada, melê, melê-de-cuia, mexerufada, mexida, miscelânea, mistela, mistifório, mistura, misturada, mixórdia, motinada, movimentação, movimento, paçoca, pampeiro, pandemônio, pega-pega, pega-pra-capar, perequê, perereco, perplexidade, perturbação, pipoco, poeirada, porqueira, presepada, quebra-quebra, quebra-rabicho, quelelê, quilelê, reboldosa, reboldrosa, rebordosa, rebulício, rebuliço, recacau, rififi, roldão, rolo, ruge-ruge, rusga, salada, salgalhada, salsada, salseiro, sangangu, saragata, sarapatel, sarilho, sarrabulhada, sarrabulho, sarrafascada, sarrafusca, seribolo, sinagoga, sororó, surumbamba, sururu, tempo-quente, tiborna, tibornice, touraria, trabuzana, trança, trapalhada, trapalhice, tribuzana, tropel, tropelia, trovoada, tumulto, turbamulta, turbulência, turumbamba, turundundum, ula, valverde, vavavá, xirimbamba, zaragalhada, zaragata, zona, zorra, zungu.

Quero ver é alguém traduzir tudo isso para o inglês!

Marcadores:

Bookmark and Share

Quinta-feira, Maio 17, 2007

O que fizeram com o Iraque?

Iraque está à beira de colapso, diz relatório (BBC Brasil)
O Iraque está diante da possibilidade de um colapso e de uma fragmentação, segundo relatório divulgado nesta quinta-feira, pela respeitada consultoria em política internacional britânica Chatham House.

Iraque vive "várias guerras civis" e pode entrar em colapso (Folha Online)
O Iraque não vive apenas uma guerra civil, e sim vários conflitos civis e insurgências envolvendo comunidades e organizações diversas que disputam o poder, aponta um relatório da consultoria em política internacional britânica Chatham House, divulgado nesta quinta-feira.

War-torn Iraq 'facing collapse' (BBC News)
Iraq faces the distinct possibility of collapse and fragmentation, UK foreign policy think tank Chatham House says.

Marcadores:

Bookmark and Share

Quarta-feira, Maio 16, 2007

Debate sobre "arqueologia biblica"

Por causa da Tumba de Herodes, o debate sobre a chamada "arqueologia bíblica" voltou a ferver...

Até que apareceu pouco nos biblioblogs, mas na lista Biblical Studies a coisa pegou fogo!

Por isso recomendo a visita a um post de 23 de abril de 2006 e aos links ali presentes.

Andei relendo as resenhas, publicadas na RBL - e indicadas no mencionado post - de um livro que defende a "arqueologia bíblica". É um tema sempre atual. Demais.

Marcadores:

Bookmark and Share

Terça-feira, Maio 15, 2007

Tumba de Herodes: mais fotos

Extraordinárias fotos. Vale uma visita. Até porque mostra a equipe trabalhando.

Marcadores:

Bookmark and Share

Segunda-feira, Maio 14, 2007

Best Blogs about Biblical Studies #12

Ficamos, desde o dia 14 de abril, quando criei a lista Best Blogs about Biblical Studies [Obs.: lista desativada em 2008 pela Amazon.com], em segundo lugar (#2) entre as Most Popular Lists in the Last 30 Days neste UnSpun by Amazon.com.

Agora, passamos para a classificação Most Popular Lists All Time e estamos em décimo segundo lugar (#12), perdendo para músicas, cervejas, celebridades, filmes, shows, tecnologias... coisa pouca... coisas "top" e "best" para o mercado capitalista globalizado!

Anoto: hoje, dia 14 de maio de 2007, às 19h45 - horário de Brasília -, a lista está com 131 biblioblogs e 3176 votos de 293 pessoas (3176 votes by 293 people). Nossa, ia me esquecendo, voltei: somos #12 entre quase 500 listas no UnSpun by Amazon.com!

Criticada e aplaudida... aí está.

Marcadores:

Bookmark and Share

Hacia la V Conferencia - CELAM

Acompanhe a V Conferência Geral do Episcopado Latino-americano e do Caribe a partir do site especial do CELAM para o evento, em três línguas:
Português, Español, English:

:: Assine as notícias em RSS em Português, Español, English.

Leia a cobertura da Conferência em português e espanhol na Adital:
Em português: Conferência de Aparecida: CELAM

Em espanhol: Conferencia de Aparecida: CELAM

Mais notícias poderão ser vistas no site da CNBB.

Marcadores:

Bookmark and Share

Domingo, Maio 13, 2007

Tumba de Herodes em territorio palestino ocupado

Um interessante texto publicado pelo jornal israelense Haaretz sobre as implicações políticas desta descoberta arqueológica feita em território palestino ocupado por Israel. Assinado por Benny Ziffer.

In the enlightened world it's called robbery

Um trecho:
...one important detail was forgotten, or almost forgotten: that the excavation of this tomb of Herod was carried out in occupied territory, where Israel has no moral right to dig and certainly not to remove archaeological artifacts. In the enlightened world, what Israel is doing is called robbery. According to Israeli law, of course, the robbery is organized and supported by state officials bearing the title of junior staff officer for archaeology. Below them or alongside them in the hierarchy there are others, such as director of the Gush Etzion Field School. All these idealists expressed their happiness that day, in front of the television cameras, at the exciting discovery at Herodium, because it is another nail in the hold of the eternal Jewish people on its eternal land on the 40th anniversary of the liberation of the land, etc. etc.

Marcadores:

Bookmark and Share

Sábado, Maio 12, 2007

O Seminario Europeu sobre Metodologia Histórica

Estive fazendo um levantamento da produção do Seminário Europeu sobre Metodologia Histórica (European Seminar on Historical Methodology) que começou os seus debates em 1996.

Sobre a constituição do Seminário, leia os dois primeiros itens de meu artigo Pode uma 'História de Israel' Ser Escrita? Observando o debate atual sobre a História de Israel.

O que pude verificar - de modo incompleto, por falta de algumas informações - é o seguinte:
  • Os encontros são anuais e até agora onze foram realizados. Em diferentes locais, como Dublin (Irlanda), Lausanne (Suíça), Utrecht (Países Baixos), Berlim (Alemanha), Copenhague (Dinamarca), Groningen (Países Baixos), Dresden (Alemanha) e Budapeste (Hungria).
  • Em geral, em julho ou agosto, período de férias de verão na Europa.
  • Parece-me que a partir da fundação da Associação Européia de Estudos Bíblicos (EABS - European Association of Biblical Studies) o Seminário passou a ser realizado como uma de suas seções.
  • E, algumas vezes, a EABS fez seus encontros junto com a Sociedade de Literatura Bíblica (SBL - Society of Biblical Literature), levando, assim, o Seminário para dentro do encontro europeu da SBL.

As obras publicadas até agora, pelo que estou sabendo, mas suspeito não estar sabendo de tudo, são as seguintes:
. GRABBE, L. L. (ed.) Can a 'History of Israel' Be Written? Sheffield: Sheffield Academic Press, 1997, 201 p. [T. & T. Clark: 2005 - ISBN 0567043207]. Resenhas: Gary N. Knoppers, RBL; Ayrton's Biblical Page.

. GRABBE, L. L. (ed.) Leading Captivity Captive: 'The Exile' as History and Ideology. Sheffield: Sheffield Academic Press, 1998, 161 p. ISBN: 1850759073. Resenha: Ayrton's Biblical Page.

. GRABBE, L. L. (ed.) Did Moses Speak Attic? Jewish Historiography and Scripture in the Hellenistic Period. Sheffield: Sheffield Academic Press, 2001, 352 p. ISBN 1841271551. Resenha: Erich Gruen, RBL.

. GRABBE, L. L. (ed.) 'Like a Bird in a Cage': The Invasion of Sennacherib in 701 BCE. Sheffield: Sheffield Academic Press, 2003, 352 p. ISBN 0826462154.

. GRABBE, L. L. (ed.) Good Kings and Bad Kings. London: T & T Clark, 2005, x + 371 p. ISBN 0826469760. Resenhas: John Engle and Eckart Otto, RBL.

. GRABBE, L. L. (ed.) Ahab Agonistes: The Rise and Fall of the Omri Dynasty. London/New York: T & T Clark, 2007, 368 p. ISBN 9780567045409.

Marcadores:

Bookmark and Share

Sexta-feira, Maio 11, 2007

Tumba de Herodes e conflito no Oriente Médio

In Israel and Palestine, archaeology is never simply archaeology... Em Israel e na Palestina, arqueologia nunca é apenas arqueologia...

Nada do que acontece naquela terra disputada por palestinos e israelenses fica sem consequências políticas. O que já foi dito para Jerusalém, vale, em semelhante proporção, para o resto do território: Here history, religion and politics meet. Nothing in Jerusalem can be understood without all three, ou: "Aqui, história, religião e política se encontram. Nada em Jerusalém pode ser entendido sem estes três [elementos]". E em Herodium? Vale a mesma regra? Pois a a tumba de Herodes, descoberta por um arqueólogo israelense, Ehud Netzer, está em território palestino ocupado por Israel. E isto pode ser um problema.

Na versão digital da Rádio Nederland, emissora internacional da Holanda, há uma versão diferente da descoberta da tumba de Herodes.

Em Herod's tomb found near Bethlehem se lê que Wael Hamamreh, diretor da Autoridade Palestina de Antiguidades para o distrito de Jericó, argumenta que a tumba talvez não seja de Herodes, mas do arquiteto do lugar: "It seems that they don't have enough evidence," said Wael Hamamreh, the Palestinian Authority's director of antiquities for the Jericho district. "There is no inscription on the sarcophagus or any other solid evidence for that matter. It could have been even the tomb of the architect of the place." Isto foi dito ao Washington Post.

O que parece uma reação absurda tem sua razão de ser: diz o texto que já na terça-feira, ao ser divulgada a descoberta, Shaul Goldstein, um leader de Gush Etzion, conjunto de assentamentos israelenses da região, situados em território ocupado, reivindicou que Herodium e a tumba de Herodes sejam declarados por Israel como sítio religioso e nacional.

A coisa toda tem precedentes? Tem. Desde Jerusalém Oriental, passando por Hebron... Os palestinos sabem que não é incomum Israel anexar, ou tentar anexar, permanentemente, territórios nos quais são feitas descobertas arqueológicas que parecem legitimar sua posse da terra...

Veja uma interessante monografia sobre as implicações políticas da arqueologia na região da Palestina.

Marcadores:

Bookmark and Share

Quinta-feira, Maio 10, 2007

Papa no Brasil

Papa no Brasil - Especial da BBC Brasil

Visita do Papa ao Brasil - Especial da Folha Online

Conferência de Aparecida: CELAM - Adital

Marcadores:

Bookmark and Share

Fotos da tumba de Herodes

Mais uma coleção de fotos da tumba de Herodes.

Está no Arutz Sheva. Como indicado pelo Dr. Claude Mariottini.

Marcadores:

Bookmark and Share

Quarta-feira, Maio 09, 2007

Prioridade: sobreviver

"...A partir de fevereiro, viemos saber com 90% de certeza que o aquecimento global é conseqüência do modo de produção e de consumo humanos e representa um dado irreversível. Até esse momento a estratégia mundial era de preservar e cuidar da Terra com compreensão, compaixão e amor. E não deveríamos ultrapassar o limite intransponível que transporto modificaria todo o estado da Terra. Esse limite foi transposto: estamos já dentro do aquecimento global que pode variar entre 1,4 até 6 graus Celsius, estabilizando-se possivelmente em 3 graus. As conseqüências desta ruptura deverão ser desastrosas: haverá grande degelo e o mar subirá significativamente inundando cidades marítimas onde vive 60% da humanidade; os climas serão dramaticamente afetados, ocorrendo grandes secas em certas regiões e incomensuráveis inundações em outras, dizimando em ambos os casos colheitas necessárias para a alimentação humana e animal; a biodiversidade será catastroficamente atingida, ocasionando o desaparecimento de milhares de espécies, rompendo o sempre frágil equilíbrio dos ecossistemas; milhões de pessoas correrão o risco de desaparecer e regiões inteiras da face da Terra se tornarão inóspitas para a habitação humana (grande parte do Brasil).

Estes dados não são fantasiosos mas empíricos, recolhidos pelos milhares de cientistas espalhados em 130 paises que compõem o organismo da ONU chamado Painel Intergovernamental sobre Mudanças Climáticas (IPCC em inglês). Duas estratégias são apresentadas como urgentes: adaptar-se à nova situação e minorar os efeitos maléficos.

Este fato muda as prioridades: a questão agora não é tanto o desenvolvimento sustentável, mas a continuidade da Terra e da Humanidade. A nova centralidade não poderá ser mais: como será a evangelização da Igreja na América Latina e como sustar a evasão de católicos para outras igrejas de cunho pentecostal e popular, mas: em que medida as igrejas todas, com o capital espiritual que possuem, ajudam a Terra a ser benevolente para com toda a vida e em que medida garantem um futuro comum para toda a Humanidade..."

Este texto acima faz parte de artigo de Leonardo Boff, Nova Agenda para Aparecida, publicado pela Adital em 09.05.2007.

Leia em espanhol: Nueva agenda para Aparecida.

Leia mais sobre meio ambiente/environment.

Marcadores:

Bookmark and Share

The SBL Forum: May 2007

Dê uma olhada em algumas coisas interessantes, entre elas, estes dois textos:

Herod's Tomb Discovered at Herodium

The Wired Scholar: Five Free Tools You May Not Know About, by Danny Zacharias, do biblioblog Deinde.

Marcadores:

Bookmark and Share

Anacronismo e compromisso

Este está falando do que não conhece...

E estes do que conhecem!

Marcadores:

Bookmark and Share

Terça-feira, Maio 08, 2007

Tumba de Herodes: comunicado da Universidade Hebraica

The Hebrew University of Jerusalém Media Relations: 08 May, 2007

Tomb of King Herod discovered at Herodium by Hebrew University archaeologist

The long search for Herod the Great’s tomb has ended with the exposure of the remains of his grave, sarcophagus and mausoleum on Mount Herodium’s northeastern slope, Prof. Ehud Netzer of the Hebrew University of Jerusalem Institute of Archaeology announced today (...) The mausoleum itself was almost totally dismantled in ancient times. In its place remained only part of its well built podium, or base, built of large white ashlars (dressed stone) in a manner and size not previously revealed at Herodium. Among the many high quality architectural elements, mostly well decorated, which were spread among the ruins, is a group of decorated urns (made in the form of special jars that were used to store body ashes). Similar ones are to be found on the top of burial monuments in the Nabatean world. The urns had a triangular cover and were decorated on the sides. Spread among the ruins are pieces of a large, unique sarcophagus (close to 2.5 meters long), made of a Jerusalemite reddish limestone, which was decorated by rosettes. The sarcophagus had a triangular cover, which was decorated on its sides. This is assumed with certainty to be the sarcophagus of Herod [sublinhado meu]. Only very few similar sarcophagi are known in the country and can be found only in elaborate tombs such as the famous one at the King’s Tomb on Selah a-Din Street in East Jerusalem. Although no inscriptions have been found yet at Herodium, neither on the sarcophagus nor in the building remains, these still might be found during the continuation of the dig (cont.)

O comunicado à imprensa está também disponível para download em formato .doc. Clique em http://www.huji.ac.il/dovrut/Herod2.doc além de poder ser acessado via RSS. Clique aqui e aqui e veja fotos da descoberta.

Todd Bolen, do blog BiblePlaces, escreveu sobre dez coisas que "você" não sabia sobre o rei Herodes: King Herod: Ten Things You Didn't Know. Pois em A “Pax Romana” chega a Jerusalém, item 11.1 de minha "História de Israel" online, você pode ver bem mais de dez coisas que eu já sabia... E em português. Mas fique de olho nas fotos do BiblePlaces, pois nisto o blog (e o site correspondente) é muito bom!

Ainda estou vendo uma bibliografia sobre Herodes, mas já recomendo:
RICHARDSON, P. Herod: King of the Jews and Friend of the Romans. Columbia, SC: University of South Carolina Press, 1996, xxvi + 360 p. ISBN 1570031363.
RICHARDSON, P. Herod: King of the Jews and Friend of the Romans. Minneapolis: Augsburg Fortress, 1999. ISBN 0800631641 (Paperback Edition)

Resenha na RBL, por Rebecca Gray, da Duke University, Durham, NC, publicada em 1999. Muito elogiosa.

Em português há vários livros - em geral, traduzidos - que tratam da época. Entretanto, que eu saiba, nenhum específico sobre o rei Herodes. Por isso, por enquanto, veja, para séria análise:
KIPPENBERG, H. G. Religião e Formação de Classes na Antiga Judéia: estudo sociorreligioso sobre a relação entre tradição e evolução social. São Paulo: Paulus, 1997, 182 p. ISBN 8505006798

Marcadores:

Bookmark and Share

Segunda-feira, Maio 07, 2007

Fotos de Greensburg devastada pelo tornado

Aerials of Greensburg Tornado Damage

This aerial photograph and the ones that follow show the devastation that occurred when a large tornado struck Greensburg Friday [May 4, 2007] night.

Tornado Devastates Greensburg

Residents Return to Greensburg

Recovery and Cleanup in Greensburg

Do jornal Kansas.com.

Simplesmente assustador!

Marcadores:

Bookmark and Share

Tumba de Herodes: noticia se espalha rapidamente

A descoberta da tumba de Herodes, divulgada hoje, é, do ponto de vista arqueológico e histórico, da maior importância. E a notícia vai se espalhando rapidamente. Embora os detalhes só venham amanhã.

E nem falo dos jornais... mas faça uma busca pela palavra Herod no Google News, em inglês: chegando agora, 21h50, horário de Brasília, a uma centena!

Veja, porém, os biblioblogs. Aqui os títulos estão em ordem alfabética, mas a dica foi dada por Aren Maeir e espalhada por Jim West.

Mais:

Marcadores:

Bookmark and Share

Descoberto o sepulcro de Herodes Magno

Hebrew University: Herod's tomb and grave found at Herodium

Notícia do jornal israelense Haaretz - última atualização: 07/05/2007, às 23h59 -, assinada por Amiram Barkat, que diz:
The Hebrew University of Jerusalem announced Monday night that it has uncovered the grave and tomb of King Herod, who ruled Judea for the Roman empire from circa 37 BCE. According to a press release from the Hebrew University, the news of the archeological find at Herodium was to be announced Tuesday morning at a special news conference, and was to be kept secret until then, but the discovery by Haaretz of the story had led to the premature announcement.The tomb was discovered by Hebrew University Professor Ehud Netzer, who is considered one of the leading experts on King Herod. Netzer has conducted archeological digs at Herodium since 1972 in an attempt to locate the grave and tomb. The discovery solves one of Israel's greatest archeological mysteries. Additional details will be made available at the Tuesday press conference. The discovery solves one of Israel's greatest archeological mysteries. Additional details will be made available at the Tuesday press conference (cont.)

Sobre Herodes Magno, que governou a Palestina de 37 a 4 a.C., leia algumas informações, em português, aqui.

Marcadores:

Bookmark and Share

Lost Kings of the Bible: resenha de Jim West

The Lost Kings of the Bible: Live Blogcast and Review [Obs.: blog apagado, link perdido - 22.03.2008]

Jim gostou do programa:
All in all I found the program very good, very fair, very balanced, and very nicely done... Will it change any minds? I doubt it...

Leia o texto completo. E: se não viu ainda do que se trata, consulte aqui.

Parece-me que o National Geographic reapresentará o programa no dia 13 de maio, domingo próximo. Nos Estados Unidos. Por aqui, não vi sinal...

:: Atualizando: 07.05.07 - 15h26
The Lost Kings of the Bible - by Claude Mariottini

Marcadores:

Bookmark and Share

Sites da Semana: as dicas de Andie

Weekly Websites

Via Egyptology News, by Andie, on May 06, 2007.

Marcadores:

Bookmark and Share

Domingo, Maio 06, 2007

Concilium:Teologia do Pluralismo Religioso

A Revista Internacional de Teologia CONCILIUM foi fundada em 1965 pelos teólogos Y. Congar, H. Küng, J. B. Metz, K. Rahner e E. Schillebeeckx. Esta revista - iniciada por estes maiores teólogos europeus do século XX - agrupou aos poucos em torno de si teólogos de renome do mundo inteiro. Hoje a revista é elaborada por teólogos europeus, latino-americanos, asiáticos, americanos e africanos. Os números são publicados simultaneamente em 7 línguas: francês, inglês, italiano, alemão, holandês, espanhol e português. Cada número da revista gira em torno de uma temática específica e relevante para o cristianismo.

Acabo de receber o fascículo 319 - 2007/1 da Revista Concilium. Tem 150 páginas. Seu tema: Teologia do Pluralismo Religioso: O Paradigma Emergente.

Leio na última capa:
A emergência cada vez mais clara do pluralismo, a ponto de se desenhar novo paradigma, impele a abordá-lo novamente, com mais força, buscando novos insights e ensaiando nova linguagem. Algumas perguntas conduziram os organizadores deste fascículo de Concilium: Seria o pluralismo religioso apenas conseqüência do caminho do cristianismo na fase de modernidade, ou seja, um fenômeno ocidental pelo qual outras tradições religiosas não se interessam? Ou as religiões todas são chamadas ao salto paradigmático? E com que recursos poderiam fazê-lo? Em diferentes tradições religiosas não se encontrariam já elementos de universalidade e de aceitação do pluralismo como forma desta universalidade?

Sumário

Editorial
Luiz Carlos SUSIN - Emergência e urgência do novo paradigma pluralista

Parte I - Situação
1. Tissa BALASURIYA - As religiões, especialmente o cristianismo, diante do futuro
2. Faustino TEIXEIRA - O pluralismo religioso como novo paradigma para as religiões

Parte II - Discernimento
1. José Maria VIGIL - O paradigma pluralista: tarefas para a teologia. Para uma releitura pluralista do cristianismo
2. Paulo SUESS - Da revelação às revelações
3. Marcelo BARROS - Moradas do vento nos caminhos humanos. Para uma teologia da hierodiversidade
4. Leonardo BOFF - É o Cristo cósmico maior que Jesus de Nazaré?
5. Javier MELLONI - Mediação e opacidade das Escrituras e dos dogmas
6. Lieve TROCH - O mistério em vasos de barro: balbuciando uma linguagem figurada sobre Deus dentro de novas experiências de religião
7. J. Amando ROBLES - A religião, um mapa para a salvação? Algumas mudanças epistemológicas

Parte III - Perspectivas Práticas
1. Paul F. KNITTER - A transformação da missão no paradigma pluralista
2. Andrés Torres QUEIRUGA- Repensar o pluralismo: da inculturação à inreligionação
3. Felix WILFRED - Cristianismo e cosmopolitismo - Para uma universalidade inversa
4. Pedro CASALDÁLIGA/José Maria VIGIL - Espiritualidade e pluralismo religioso

Conclusão
Luiz Carlos SUSIN - Refletindo o percurso: um clamor e uma luz que vêm de toda parte

Marcadores:

Bookmark and Share

Pesquisa Datafolha: as religioes dos brasileiros

Religiões no Brasil, segundo o Datafolha, em 05/05/2007:


  • Católica: 64%
  • Evangélica Pentecostal: 17%
  • Evangélica não Pentecostal: 5%
  • Espírita Kardecista, Espiritualista: 3%
  • Umbanda: 1%
  • Outra Religião: 3%
  • Não tem religião: 7%
:: O Datafolha está disponibilizando o conteúdo de seu site em formato RSS. Clique aqui.

:: Atualizando: 06.05.07 - 16h00
Economia das Religiões - Pesquisa da Fundação Getúlio Vargas

Leia:
64% dos brasileiros se declaram católicos
Católicos divergem da igreja em relação a divórcio, segundo casamento e uso de camisinha
Especial 2007: Visita do Papa ao Brasil
Evangélicos avançam na periferia das metrópoles
Papa vai encontrar Brasil menos católico, aponta Datafolha
Pesquisa revela que 11% dos brasileiros têm mais de uma religião

Marcadores:

Bookmark and Share

Sábado, Maio 05, 2007

The Lost Kings of the Bible

Claude Mariottini e Jim West estão debatendo o tema do programa que será apresentado amanhã no National Geographic, como dito aqui. E neste debate apareceu a figura de J. Alberto Soggin.

Fui aluno de J. Alberto Soggin na década de 70, no Pontifício Instituto Bíblico, em Roma. Nós o admirávamos por sua enorme cultura e capacidade de apresentar complexas discussões sobre as tradições patriarcais ou sobre os poemas do Servo de Iahweh do Dêutero-Isaías, só para citar dois dos cursos que fiz com o ilustre mestre. Sei também que em sua História de Israel ele teve a capacidade de ir se adaptando às novas descobertas, com mente bastante aberta. Coisa incomum. Na verdade, ele é um estudioso bastante incomum.

Entretanto, na opinião de Niels Peter Lemche - em The Israelites in History and Tradition, p. 141 -, Soggin, assim como outros estudiosos da História de Israel, ainda fazem apenas paráfrases mais ou menos dogmáticas da imagem do antigo Israel gerada na Alemanha a partir da grande influência de Martin Noth. Neste grupo estão, além de Soggin (1984;1993) as “Histórias de Israel” de Martin Metzger (1983), Siegfried Hermann (1973), Antonius H. J. Gunneweg (1972), Georg Fohrer (1977), Herbert Donner (1984-86), Gösta W. Ahlström (1993), R. de Vaux (1971;1973)... Este texto de Lemche é de 1998.

O texto mais recente que tenho de Soggin é exatamente sobre Davi. E está no livro Recenti Tendenze nella Ricostruzione della Storia Antica d'Israele, publicado em 2005 a partir da Conferência Internacional sobre as Tendências Recentes na Reconstrução da História do Antigo Israel realizada em Roma em 2003. Amanhã preciso ler este texto para ver sua posição mais recente sobre o "caso Davi".

Antecipo apenas o que tenho no resumo da Conferência feito pela Associazione Orientalisti:
Prof. Soggin showed how the boundary traced by scholars between the historical and the non-historical parts of the Old Testament has shifted in recent years in the relevant literature (including his own Introduction to the History of Israel and Judah’s various editions), up to secluding the kingdom of David into the realm of legend. The foundation of the state by David cannot any longer be considered a historical fact, because the narrative on the foundation in Samuel and Kings is Deuteronomistic (transmitted half a millenium after the events); seven centuries later was composed the book of Chronicles, in which David does not committ any guilt; the quality of the sources is not reliable. This does not mean that David and Salomon never existed. It is possible that Israel and Judah were unified under two kings called David and Solomon. But we cannot use the biblical narrative on David itself as a historical source. Outside the Old Testament, mentions of David are useless to the task of the historian: in the Mesha stele the context in which David’s name appears is not clear; the Tel Dan inscription is too a contentious piece of evidence, in regard both to its genuinity and to the actual meaning of the expression BYT DWD.

Marcadores:

Bookmark and Share

Sexta-feira, Maio 04, 2007

Tyler Williams e as cosmogonias mesopotamicas

Como noticiado aqui, Tyler Williams, em Codex, vinha apresentando e discutindo, em quatro partes, as cosmogonias mesopotâmicas.

Veja a última parte em Theogony, Cosmogony, and Anthropology in ANE Creation Accounts (Creation in Ancient Mesopotamia, Part 4).

Marcadores:

Bookmark and Share

Quinta-feira, Maio 03, 2007

A Origem dos Antigos Estados Israelitas

Terminei hoje, com o Primeiro Ano de Teologia do CEARP, na disciplina História de Israel, o estudo da Origem dos Antigos Estados Israelitas. Utilizo como roteiro o artigo do mesmo nome que escrevi para a revista Estudos Bíblicos n. 78, publicada pela Vozes em 2003. Trata-se do estudo dos governos de Saul, Davi, Salomão.

No editorial da Estudos Bíblicos n. 78, assinado por Telmo José Amaral de Figueiredo, se diz de meu artigo:
No olho do furacão estão hoje as teorias sobre o surgimento da monarquia em Israel. No segundo artigo desta revista, o professor Airton J. da Silva irá propor-nos as grandes questões que hoje ocupam o centro do debate sobre o nascimento e morte da monarquia israelita. Ele apresenta, com competência, o status quaestionis das pesquisas a esse respeito. O que não é pouco, pois, ao público brasileiro, é um tanto difícil acompanhar esse colóquio sempre mais intenso e cheio de surpresas. Como bem observa Airton, citando o estudioso Philip R. Davies, a maioria dos estudiosos, “embora sabendo que a estória de Israel do Gênesis a Juízes não deve ser tratada como história, prossegue, não obstante, com o resto da estória bíblica, de Saul ou Davi em diante, na pressuposição de que, a partir deste ponto, o obviamente literário tornou-se o obviamente histórico”. Por isso, uma tendência que começa a ser sempre mais seguida é, na construção da história de Israel, “dar prioridade aos dados primários [levantados pela historiografia geral e a arqueologia a respeito da época em questão], mas fazendo uso do texto bíblico como fonte secundária usada com cautela” – constata o britânico Lester L. Grabbe, citado por Airton. Analisando essas fontes primárias e outras, têm-se um quadro nada completo e acabado do surgimento da monarquia em Israel: “região rural... nenhum documento escrito... nenhum sinal de uma estrutura cultural necessária em uma monarquia... do ponto de vista demográfico, de Jerusalém para o norte, povoamento mais denso; de Jerusalém para o sul, mais escasso...”. Sabe-se que Davi e Salomão devem ter existido, porém não foram artífices de todo aquele esplendor narrado pela Bíblia, o qual se inspira mais na Jerusalém do século VII a.C., quando a teologia deuteronomista exalta a atividade do rei Josias, o qual passa a figurar como “o novo Davi e Iahweh cumprira suas promessas”, percebe Airton, citando os pesquisadores I. Finkelstein e N. Silberman. O artigo de Airton deixa entrever que há muito ainda por se descobrir desse período.

Utilizo, para este item da História de Israel, basicamente a seguinte bibliografia:
Sei que deveria estar utilizando também FINKELSTEIN, I.; SILBERMAN, N. A. David and Solomon: In Search of the Bible's Sacred Kings and the Roots of the Western Tradition. New York: The Free Press, 2006. Mas ainda não o li.


Pois o canal National Geographic vai apresentar no próximo domingo, dia 6 de maio de 2007, nos Estados Unidos, um especial sobre os reis Davi e Salomão, com o nome de Lost Kings of the Bible.

Como consultores há gente muito competente: Ami Mazar, Roni Reich, Aren Maier, Israel Finkelstein, Ted Brock, John Monson, Deborah Cantrell, Eric Cline. Jim West diz que vai resenhar o programa. Aguardemos.

E leia o comentário de Eric Cline ao post do Jim, no qual ele antecipa: "The 'groundbreaking' new evidence will not be new to most biblical archaeologists but some or all of it may well be new to many viewers: Roni Reich’s discovery of the Canaanite constructions by the Gihon Spring; the Tel Dan Stele and the mention of the 'House of David'; Aren Maier’s 'Goliath' sherd; John Monson’s comparison between Solomon’s Temple and the Ain Dara Temple; the names on Shoshenq’s inscription in Egypt and the comparison to the biblical account re Shishak; our own current excavations at Megiddo (with shots of my team excavating the stables) and a nice interview with Deborah Cantrell about raising and training horses; plus a brief look at the Stepped Stone Structure (though unfortunately without an appearance by Eilat Mazar or a mention of her excavations). Throughout the show, the pros and cons of various topics concerning David and Solomon and the extent of their kingdom/empire are debated by various scholars, including Ami, Roni, Israel, and myself..."

Tomei conhecimento dos detalhes do programa especialmente através dos posts de Jim West [Obs.: blog apagado: 22.03.2008] e de Claude Mariottini.

Marcadores:

Bookmark and Share

The 11th Hour

The 11th Hour has interviews with over 50 leading scientists, thinkers and leaders who discuss the state of the world and the state of humanity. The film will be released in 2007.

Leia Mais (atualizado em 05.05.07):
Entramos no reino da razão cordial - Leonardo Boff, em Carta Maior
Especial Ambiente - Folha Online
IPCC
IPCC mostra caminho para contornar a crise climática (Folha Online: 05/05/2007 - 09h38)
Leonardo DiCaprio anuncia estréia de documentário sobre ambiente (Folha Online: 02/05/2007 - 19h31)

Marcadores:

Bookmark and Share

Conservadorismo politico-religioso na Internet

GodTube, Conservapedia, Creationwiki... Tosco conservadorismo político-religioso prolifera na Internet... Religião como meio de vida?

Leia sobre o fenômeno aqui.

Marcadores:

Bookmark and Share

Quarta-feira, Maio 02, 2007

Publicada a autobiografia de Rendtorff

RENDTORFF, R. Kontinuität im Widerspruch: Autobiographische Reflexionen. Göttingen: Vandenhoeck & Ruprecht, 2007, 156 p. ISBN 978-3-525-57308-2

Esta é a autobiografia de Rolf Rendtorff. Sobre este importante pesquisador, leia, em português, aqui, aqui e aqui. Para ver a obra de Rolf Rendtorff, clique aqui e aqui.

Informação dada pela editora sobre a autobiografia:

"Ich bin aufgewachsen in der Zeit des Kirchenkampfes". Wenn Rolf Rendtorff seine Autobiographie mit diesem Satz beginnt, möchte er damit die Ambivalenz kennzeichnen, die sich wiederholt während seines Lebens zeigte. Schon früh war er sich bewusst, in der Opposition zu stehen und gleichwohl dazu zu gehören. Akut geworden ist dies bei seinen Begegnungen mit Israel und dem Judentum und bei seinem hochschulpolitischen Engagement, insbesondere in der Zeit als Rektor in Heidelberg. Rolf Rendtorff wurde am 10. Mai 1925 in Preetz/Holstein geboren. Der Professor für Altes Testament und Schüler von Gerhard von Rad war seit 1958 Ordinarius für Alttestamentliche Theologie an der Kirchlichen Hochschule Berlin und von 1963 bis 1990 an der Universität Heidelberg. Rendtorff gehörte 1965 zu den Mitbegründern der Deutsch-Israelischen Gesellschaft und war seit 1977 langjähriger Vorsitzender des Deutsch-Israelischen Arbeitskreises für Frieden im Nahen Osten. 2002 erhielt er in Würdigung seines Beitrags im christlich-jüdischen und deutsch-israelischen Dialog die Buber-Rosenzweig-Medaille des Deutschen Koordinierungsrates der Gesellschaften für christlich-jüdische Zusammenarbeit.

Marcadores:

Bookmark and Share

Jodi Magness fala sobre The Lost Tomb of Jesus

Neil Godfrey, ou Vridar, da Austrália, noticiou que: Radio National’s The Ark program has completed a 3 part series on the so called Jesus tomb with a Rachel Kahn interview of Jodi Magness. Veja aqui e aqui.

Marcadores:

Bookmark and Share

Seminario Latino-Americano de Teologia

Seminário Latino-Americano de Teologia
CNBB: 10 de março de 2007


De 18 a 20 de maio, em Pindamonhangaba (SP), acontecerá o Seminário Latino-americano de Teologia, com o tema: “América Latina, Cristianismo e Igreja no século XXI”. O evento é uma iniciativa do Conselho Nacional do Laicato do Brasil (CNLB). O objetivo é refletir sobre os desafios da realidade latino-americana e encontrar respostas para os mesmos enquanto Igreja. Informações: http://www.cnl.org.br

CNBL promove Seminário Latino-Americano de Teologia
Dia 18
Manhã
  • Olhar a realidade mundial – Carlos Signorelli
  • Olhar a realidade Latino-Americana – Pedro R. Oliveira
Tarde
  • Os desafios para o cristianismo no século XXI – Benedito Ferraro e Maria Clara L. Bingemer

Dia 19
Manhã
  • Os desafios para a Igreja no século XXI – Agenor Brighenti e Eva Aparecida de Moraes
Tarde
  • Um Cristianismo para a América-Latina – Gustavo Gutiérrez
  • Uma Igreja para a América-Latina – Pablo Richard

Dia 20
Manhã
  • A Laicidade numa Igreja Latino-Americana comprometida com a construção da justiça – Paulo Fernando Carneiro de Andrade e Ana M. Tepedino

Marcadores:

Bookmark and Share

Do mau uso de Isaias na defesa do Sionismo

Hoje comecei a estudar, com meus alunos do Segundo Ano de Teologia do CEARP, na disciplina Literatura Profética, o livro de Isaías, mais precisamente o Proto-Isaías, que está em Is 1-39. Os capítulos normalmente considerados como provenientes da pregação do profeta Isaías, que atuou em Jerusalém entre 740 e 701 a.C., são cerca de 20 apenas, havendo vários acréscimos mesmo neste primeiro dos três grandes blocos que compõem o livro de Isaías.

Agora, lendo biblioblogs de meus colegas, encontro interessante post de Claude Mariottini, exegeta brasileiro que vive e trabalha nos Estados Unidos. O que meu colega aborda é algo com que já tive que me confrontar algumas vezes, por isso o seu post me chamou a atenção: há pessoas que não aceitam a corrente divisão do livro de Isaías em três blocos, Primeiro, Segundo e Terceiro Isaías, respectivamente, Is 1-39; 40-55; 56-66. Pode-se ver um exemplo muito interessante desta postura em um post que escrevi em 21 de setembro de 2006, respondendo a uma mensagem deixada em meu Guestbook por um visitante da Ayrton's Biblical Page. Naquele caso específico, o que exigiu minha intervenção foi perceber que há pessoas que jamais aceitaram ou aceitam que se negue, como objetivo último da profecia, o elemento preditivo.

No post de hoje do Dr. Claude Mariottini, com o título de The Book of Isaiah and Zionism, ele cita - e critica - um artigo publicado pela revista Israel Today, em 30 de abril de 2007, onde a leitura de Isaías - visto como um livro único do tempo de Isaías de Jerusalém - vai, entretanto, além: serve aos interesses do sionismo de maneira atrevida e deslavada.

Diz o artigo Debit and Credit, entre outras coisas, que:
Modern theologians have invented the Deutero-Isaiah theory, which claims that the second part of Isaiah was written later than the first by another author. Their works were later compiled together under the name of the first author, the “real” Isaiah. However, anyone who really looks at Isaiah in context will see clearly that there were not two of them who supposedly contradicted each other, but rather there was one writer who prophesied regarding two different periods of time. In chapters 1 to 39, Isaiah prophecies about the destruction of the Temple (70 AD) and the banishment of the Jews from Israel (135 AD). Then from chapter 40 to the end, Isaiah prophecies about the end of the Jewish Diaspora when modern - day Zionism begins, fulfilled by the founding of the State of Israel.

Explicando para os leitores brasileiros: segundo o artigo, Is 1-39 profetiza sobre a destruição do Templo em 70 d.C. e a expulsão dos judeus de Israel em 135 d.C., enquanto que em Is 40-66 o profeta trata do fim da diáspora judaica ocorrida com a fundação do atual Estado de Israel.

É preciso dizer mais?

O que é Israel Today? Em About Us se explica:
Israel Today is a Jerusalem-based news agency providing a biblical and objective perspective on local news. Founded in 1978, when it began publishing a monthly German news magazine, the English language edition of Israel Today was launched in January 1999 (...) Israel Today’s mission is to be the definitive source for a truthful and balanced perspective on Israel and to provide timely news directly from Jerusalem – the focus of world attention. This is especially important in these times when we see prophetic events unfolding before our eyes.

Traduzo o final: "A missão de Israel Today [Israel Hoje] é ser a fonte definitiva para uma perspectiva confiável e equilibrada sobre Israel e para oferecer notícias atualizadas diretamente de Jerusalém - o foco da atenção mundial. Isto é especialmente importante nestes tempos quando nós vemos eventos proféticos acontecendo diante de nossos olhos".

É preciso dizer mais?

Marcadores:

Bookmark and Share

Terça-feira, Maio 01, 2007

Biblical Studies Carnival XVII

Seleção dos melhores posts de abril de 2007.

Feita por Christopher Heard em seu blog Higgaion.

O último item é sobre minhas listas no UnSpun. Ele diz: Airton José da Silva tried to get the biblioblogosphere to cooperate in an Amazon UnSpun ratings venture (see the linked post and then follow the links there). It didn’t quite play out like he intended, I think.

Marcadores:

Bookmark and Share

Biblioblogueiro de maio de 2007: Bruce Fisk

Jim West, em Biblioblogs.com, entrevista Bruce Fisk, autor de Crossings, escolhido como o biblioblogueiro do mês de maio de 2007.

Bruce Fisk é Professor de Novo Testamento no Departamento de Estudos Religiosos do Westmont College, Santa Barbara, Califórnia, USA. É de nacionalidade canadense.

Gostei, quando disse:
... the self-promotion aspect of some blogging can be tiresome. Perhaps in time we will become less self-indulgent and more collaborative. And I hope we never value speed over thoughtfulness and care. On a whinier note, it bugs me when a blogger copies an entire entry from someone else’s blog instead of inserting a limited excerpt and linking readers to the source.

Esta autopromoção ficou muito clara para mim no comportamento de certos participantes das listas do UnSpun!

Marcadores:

Bookmark and Share

O caso Felipe Aquino

Alerta às vésperas da V Conferência de Aparecida, por Dom Luiz C. Eccel - Adital: 30.04.2007

Quando as pedras se transformam em estrelas. Ao Prof. Aquino, por Dom Joviano de Lima Júnior - Arquidiocese de Ribeirão Preto


Leia Mais:
Conferência de Aparecida - CELAM

Prof. Felipe Aquino

Marcadores:

Bookmark and Share

Morte no canavial

Cortadores de cana têm vida útil menor que a dos escravos: esta foi a manchete da Folha de São Paulo em 29/04/2007.

Leia mais no Blog do Sakamoto - quem é? -, no post A cana e o trabalho escravo.

Um trecho:
A vida útil do cortador de cana está diminuindo. De acordo com pesquisa da professora da Universidade Estadual Paulista (Unesp) Maria Aparecida de Moraes Silva, nas décadas de 80 e 90 esse trabalhador rural permanecia na atividade por 15 anos. Hoje, ela acredita que esse prazo tenha diminuído para 12. Uma pessoa chega a cortar mais de 15 toneladas de cana por dia, sob o sol forte, o que ao longo dos anos vai destruindo o seu corpo. Como o ganho é por produtividade, quem corta mais pode levar mais dinheiro para casa no final da safra. O problema é que os exames admissionais não são feitos com o cuidado que merecem e, muitas vezes, trabalhadores que não têm condições físicas para a tarefa acabam sendo contratados. Só nos últimos três anos, 19 pessoas morreram durante o corte da cana no interior do Estado de São Paulo ... Em reportagem publicada hoje, a Folha de S. Paulo utiliza dados do historiador Jacob Gorender para comparar o cortador de cana de hoje com o trabalhador escravo da época colonial e imperial, que tinha vida útil de 10 a 12 anos. O próprio editorial do jornal exortou que “os empresários que recebem os crescentes lucros da atividade têm a responsabilidade de zelar pelas condições de trabalho de seus empregados – sejam eles contratados direta ou indiretamente. Caso contrário, o Brasil continuará a ser o país dos lamentáveis contrastes, produzindo o combustível do século 21 com base em estatísticas sociais do século 19”. Já abordei várias vezes aqui neste blog como a expansão da cana está sendo feita em cima do sangue e suor dos trabalhadores rurais (cont.)

Cremare
Cremo, as, ávi, átum, áre 'queimar, abrasar, consumir pelo fogo', (...) por um hipotético *caimare, do lat. peninsular, por influxo do gr.tar. káïma 'queimadura, calor ardente'; ver queim-; f.hist. 1065 keitmar, 1152 queimena, sXIII queimar, sXIII quemar, sXIV queymar.

Abrasar, acender, adurir, afoguear, atear, calcinar, causticar, incender, incendiar, inflamar... Assim, a queimada da cana.

É que explica o Dicionário Eletrônico Houaiss da Língua Portuguesa, versão 1.0, dezembro de 2001.

Marcadores:

Bookmark and Share